Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

Fominha (até) no mundo ocidental?

Admito que não estava à espera que acontecesse tão cedo mas aconteceu: os preços dos bens alimentares no mundo ocidental começou a disparar. A especulação agarrou-se aos cereais e outros alimentos essenciais como cão a quem falta osso melhor.  O que tinha aguentado os preços até recentemente era a política de agricultura subsidio-dependente dos países civilizados, já que a produção há muito se revela insuficiente para cobrir os crescentes custos de produção (a começar pelos combustíveis). Junte-se o fim desta ajuda (prioritários são os défices, não a comida) com a especulação que é a base deste nobre sistema económico em que vivemos, o capitalismo e aí está: vêm tempos de fomeca. Para nós é muito grave. Para os países em desenvolvimento é uma catástrofe. A fome já gerou muitas revoluções e guerras sangrentas mas como a humanidade não aprende, principalmente quando o que conta são os bens de luxo que são o cartão de visita do capitalismo e aos quais a populaça se agarra com unhas e dentes, sem melhor do que fazer do correr para os hipermercados aos fins-de-semana, pouco há a fazer.

 

Talvez nos faça bem voltar a aprender que há coisas muito mais importantes do que o tunning de automóveis, piscinas no quintal, passerelles, diamantes para a patroa e consolas para os putos. Talvez consigamos abrir os olhos para o facto de que a economia de mercado enriquece uma minoria enquanto obriga a mioria a contar tostões para pagar os bens de primeira necessidade, a mesma minoria que vem para os media falar para nós pobres idiotas que nada percebemos de competitividade empresarial, a mesma minoria que acha que o estado é um empecilho excepto quando os outros meninos da mesma minoria fazem batota ou quando os impostos pagam subsídios a privados e lhes dá obras públicas para executar. O mesmo tipo de corja que especula (e enriquece bem e facilmente) com aquilo de que precisamos também afunda, desmantela e deslocaliza empresas, não paga impostos sobre mais-valias bolsistas e merdas afins. Eu sei que o anti-capitalismo gera mais ódio do que todo o fanatismo religioso junto, os comunistas já o tinham percebido três quartos de século antes de Estaline sequer chegar ao poder, mas que ninguém se esqueça que há algo capaz de mobilizar muitos mais milhões em torno de uma diferente forma de ódio: a fome.

 


publicado por Harpad às 00:14
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De MFerrer a 30 de Abril de 2008 às 12:10
Não podia estar mais de acordo consigo. No entanto desta divisão internacional do trabalho - é disso que se trata quando a Europa apenas produz o que não consegue comprar a meio preço nos países "emergentes" - o que ressalta é que a dimensão do capital especulativo, em meia dúzia de mãos, aliás conhecidas ! , torna este mundo mais e mais perigoso!
Monstruosamente perigoso.


De Harpad a 30 de Abril de 2008 às 22:28
Assim é, de facto. A especulação em todas as suas vertentes continua a reduzir a riqueza dsponível para cada cidadão e o capitalismo continua a mediocratizar a humanidade.


De MFerrer a 3 de Maio de 2008 às 23:21
Pergunto-me qual a relação entre essa parcela do rendimento disponível versus a disponibilidade de terrenos e da água, quer para a especulação, quer para usos não produtivos como é o caso dos campos de golf, cuja utilidade nacional me passa completamente ao lado !


De Harpad a 9 de Maio de 2008 às 01:12
...provavelmente pretendem que pastemos a relva a relva dos campos de golfe...

O que vale é que os normais utilizadores desses e de outros recintos pouca propensão têm para passar fome...


Comentar tópico

.Mas, afinal, quem é esta besta?

.Contactar o provedor



.Pesquisar

 

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Tópicos recentes

. a grande desinformação ci...

. the conspiracy against Eu...

. ecce homo

. ...uma questão:

. ...epá... maior discrição...

. a era da estupidez - 5

. a era da estupidez - 4

. something for the Europea...

. behold the great anglo-sa...

. ...vive la France...

.Velharias

. Setembro 2014

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Maio 2010

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.Anúncios














.Contagem de vítimas


Harpad© 2014